Clique em "Participar deste site" e fique por dentro de tudo o que rola no blog Sociedade dos Leitores Compulsivos!

Resenha: Um Dia



Por: Alefe Sodré
Titulo: Um dia
Autor: David Nicholls
Gênero: Romance, Ficção Fantástica, Literatura Estrangeira.
Editora: Intrínseca
ISBN: 9788580570458
Paginas: 414
Nota: 5,0

Sinopse:
Dexter Mayhew e Emma Morley conheceram-se em 1988. Ambos sabem que no dia seguinte, após a formatura na universidade, deverão trilhar caminhos diferentes. Mas, depois de apenas um dia juntos, não conseguem parar de pensar um no outro. Os anos passam e Dex e Em levam vidas isoladas - vidas muito diferentes daquelas que eles sonhavam ter. Porém, incapazes de esquecer o sentimento muito especial que os arrebatou naquela primeira noite, surge uma extraordinária relação entre os dois. Ao longo dos vinte anos seguintes, flashes do relacionamento deles são narrados, um por ano, todos no mesmo dia: 15 de julho. Dexter e Emma enfrentam disputas e brigas, esperanças e oportunidades perdidas, risos e lágrimas. E, conforme o verdadeiro significado desse dia crucial é desvendado, eles precisam acertar contas com a essência do amor e da própria vida.



Em e Dex, Dex e Em.

Emma Morley e Dexter Mayhew são melhores amigos, mas estão à mercê da paixão e quem sabe vitimas do amor.

Emma é uma mulher esforçada e decidida que sonha em ser escritora, quem sabe um dia escrever contos complexos como aqueles da qual lê, mas as coisas não são tão simples assim, da mesma forma que você não escreve um romance digno, ele não é reconhecido com facilidade. Mas ela está tentando, enquanto isso escreve poemas e pequenos enredos de teatro ou historias para crianças, enquanto o sucesso não chega, se é que vai chegar, Emma faz uma coisa aqui outra acolá, garçonete, professora e etc. Ela tem um maneira critica de enxergar a vida e acha que pode mudar as coisas em sua volta, tornar o mundo um pouco melhor, mas com o tempo perceberá que as coisas não são bem assim.

Dexter por outro lado, é um cara bem de vida, veio de uma família equilibrada financeiramente e prefere gastar seu tempo viajando ao mundo e se embebedando nas grandes noitadas, ele também tenta seguir algo, já tentou ser fotografo e professor de inglês, apesar de amar fotografia não se deu muito bem e como professor, digamos que foi expulso por certas ¨aulas particulares¨ com uma aluna. Mas depois de um tempo descobre um talento para a mídia.

Mas então, vidas diferentes, lados opostos, como manter essa amizade firme? Se comunicam na maior parte do tempo por cartas e ligações, e sempre quando Dexter volta de uma viagem os dois não perdem tempo para se encontrar e discutir qual a grande mulher com quem Dexter está agora e a vida pacata de Emma (ela não tem tido muitos relacionamentos amorosos). Mas o tempo, ah sim, o tempo pode mudar as coisas. E é com o decorrer dos anos que vamos ver se essa amizade permanecerá ou se renderão a paixão.

Entraremos em dramas familiares, relacionamentos falidos, decepções e ilusões amorosas. ¨Um dia¨ nos trará uma forma diferente de enxergar a vida e como ela poder ser decepcionante, bela e cruel. Vinte anos, duas pessoas, um dia.

O filme

A adaptação cinematográfica de Um dia é com ninguém mais, ninguém menos do que Anne Hathaway interpretando Emma Morley e Jim Sturgess como Dexter Mayhew. Foi lançado em 2011 e dirigido por Lone Scherfig. O filme é bem fiel ao livro em termos gerais e é obvio que algumas pequenas coisas são alteradas e cenas são cortadas. Mas não olhe por este lado, em minha opinião é um ótimo filme, e se você pretende assistir, prepare uma pipoca e alguns lencinhos, porque, meu amigo, você vai precisar.

Deixe aí seu comentário e nos conte o que achou do livro. Abraços :D
Share on Google Plus

0 comentários:

Olá, compulsivo (a)!!!

Sinta-se à vontade e diga-nos o que achou deste post!