Clique em "Participar deste site" e fique por dentro de tudo o que rola no blog Sociedade dos Leitores Compulsivos!

Dicas de leitura: MULHERES PARA LER

Olá Sociedade!

Fechando a Semana da Mulher, hoje vamos indicar mulheres que constroem histórias que nos encantam. Se você não viu a resenha que a Amanda Pereira fez da rainha Colleen Hoover, pode ler Aqui , conferir a lista das cantoras que fizemos Aqui ou então conferir a resenha da Giuliana fez da Cynthia Hand Aqui.
Hoje o post traz algumas dicas de mulheres para Ler. Os compulsivos Amanda Caroline, Amanda Pereira, André Borges, Danilo Zorzin, Erica Oliveira, Giuliana Sena, Isabel Primo, Larissa Benevides, Lucas Oliveira, Michael Araújo e Thalinne Mafra deixaram aqui as suas dicas de algumas autoras que estão na listinha de favoritos de cada um!

E aqui está a listinha com algumas das mulheres que nos fazem sonhar e viajar no mundo da leitura!

AGATHA CHRISTIE

Segundo o Guiness Book, Christie é a romancista mais bem sucedida da história da literatura popular mundial em número total de livros vendidos, uma vez que suas obras, juntas, venderam cerca de quatro bilhões de cópias ao longo dos séculos XX e XXI, cujos números totais só ficam atrás das obras vendidas do dramaturgo e poeta William Shakespeare e da Bíblia. Segundo a organização Index Translationum, as obras de Agatha Christie já foram traduzidas, em levantamento recente, para mais de 100 idiomas em todo o mundo. Seu livro mais vendido, Ten Little Niggers (publicado no Brasil como "E Não Sobrou Nenhum", ou "O Caso dos Dez Negrinhos", e em Portugal como "Convite para a Morte" ou "As Dez Figuras Negras"), de 1939, é também, com cerca de 100 milhões de cópias comercializadas em todo o globo, a obra de romance policial mais vendida da história, além de figurar na lista dos livros mais vendidos de todos os tempos, independentemente de seu gênero.
Em 1971, foi condecorada pela rainha do Reino Unido, Elizabeth II, com o título de "Dame" (Dama) do Império Britânico, uma honra que consiste no equivalente feminino ao sir. No total, escreveu setenta e dois romances, sendo sessenta e seis deles do gênero romance policial e inúmeros contos, reunidos em quatorze coletâneas. É constantemente referida por seus emblemáticos personagens, incluindo o detetive belga Hercule Poirot e a idosa detetive amadora Jane Marple, ou Miss Marple. (Fonte: Wikipedia)


AUDREY NIFFENEGGER

O primeiro romance de Niffenegger , The Time Traveler's Wife , foi publicado em 2003. Uma adaptação de filme foi lançada em 2009.
Ela escreveu um romance gráfico , ou "romance em imagens", como Niffenegger chama, com título As Três Irmãs Incestuosas .Este livro conta a história de três irmãs incomuns que vivem em uma casa à beira-mar. O livro foi comparado ao trabalho de Edward Gorey .
Outra graphic novel, The Adventuress , foi lançada em 1 de setembro de 2006.
O conto de 2004 "The Night Bookmobile" foi serializado em 2008 no formato "Visual Novel" no The Guardian .
Em março de 2009, Niffenegger vendeu seu segundo romance, uma história de fantasmas literária chamada Her Fearful Symmetry, aos Filhos de Charles Scribner por um adiantamento de US $ 5 milhões. (Fonte: Wikipedia)




King escreveu sete romances, bem como poesia e contos, antes de publicar seu primeiro romance, e coletou mais de 400 cartas de rejeição.
Mesmo com um agente, King enfrentou dificuldade de publicação porque era difícil categorizar seu trabalho. Até que um editor pediu "algo estranho" que ela recebeu um negócio e aprendeu sobre o mercado de jovens adultos (YA). A novela, The Dust of 100 Dogs , foi publicada pela pequena imprensa de YA Flux em 2009. Como já havia um escritor chamado Amy King, ela escolheu escrever com as iniciais "AS". O S significa seu nome de solteira, Sarig.
Sua segunda novela, por favor Ignore Vera Dietz , foi oferecida sobre por sete editoras diferentes. King escolheu Knopf por causa da "visão" do editor Michelle Frey para o romance: Outras editoras queriam remover os adultos do livro. Por favor ignore Vera Dietz foi um 2011 Michael L. Printz Prêmio Livro de Honra e um Edgar Allan Poe Award nomeado para "Melhor Jovem Adulto". Sua terceira novela jovem-adulto, Todo mundo vê as formigas , foi nomeado um dos dez melhores livros para jovens adultos em 2012 e foi um finalista Andre Norton Award. Seu quarto romance de jovens adultos, Os dois mundos de Astrid Jones (2012), ganhou o Los Angeles Times Book Prize . (Fonte: Wikipedia)



Cecelia Ahern (Dublin, Irlanda, 30 de setembro de 1981) é uma escritora irlandesa. Cecelia, que vive em Dublin, alcançou grande sucesso com seus cinco romances já publicados, além de ter vários contos incluídos em antologias. Seus livros já ultrapassaram a marca de seis milhões de vendas e foram traduzidos em mais de 45 línguas.

Aos vinte e um anos, seu primeiro romance, PS. Eu Te Amo, tornou-se o bestseller mais vendido na Irlanda (por 19 semanas), Reino Unido, EUA, Alemanha e Holanda. O livro foi adaptado para o cinema, numa produção dirigida por Richard LaGravenese. (Fonte: Wikipedia)




Clarice Lispector (Chechelnyk, 10 de dezembro de 1920 — Rio de Janeiro, 9 de dezembro de 1977) foi uma escritora e jornalista nascida na Ucrânia e naturalizada brasileira — e declarava, quanto a sua brasilidade, ser pernambucana —, autora de romances, contos e ensaios, sendo considerada uma das escritoras brasileiras mais importantes do século XX e a maior escritora judia desde Franz Kafka. Sua obra está repleta de cenas cotidianas simples e tramas psicológicas, sendo considerada uma de suas principais características a epifania de personagens comuns em momentos do cotidiano.
Suas principais obras marcam cada período de sua carreira. Perto do coração selvagem foi seu livro de estreia; Laços de família, A paixão segundo G.H., A hora da estrela e Um sopro de vida são seus últimos livros publicados. Faleceu em 1977, um dia antes de completar 57 anos, em decorrência de um câncer de ovário. (Fonte: Wikipedia)




Colleen Hoover nasceu 11 dez 1979 em Sulphur Springs no Texas. Ela cresceu em Saltillo, Texas, e graduou-se Saltillo High School, em 1998. Em 2000, ela se casou com Heath Hoover, com quem ela já tem três filhos e um porco chamado Sailor. Hoover formou na Texas A & M-Commerce com uma licenciatura em Serviço Social. Ela fez partes de vários trabalhos de ação social e de ensino até começar sua carreira de escritora. 
Em novembro de 2011, Colleen começou a escrever seu primeiro romance com nenhuma intenção de publicação. Ela foi inspirada por um poema lírico, "decide what to be and go be it", a partir de uma canção Avett Brothers "Head Full of Doubt/Road Full of Promise". Devido a isso, ela incorporou letras de Avett Brothers ao longo da história. Depois de alguns meses, seu romance foi revisado e ganhou 5 estrelas por grande blog literario, Maryse Black. Depois disso, as vendas aumentaram rapidamente, e Métrica ganhou a sua sequencia, Pausa e Essa garota, ambos estrelaram primeiro lugar na lista de Best Seller do New York Times. Desde então, todos os seus romances tornaram-se Best Seller do New York Times. (Fonte: Wikipedia)




Seu primeiro livro foi A Maldição do Tigre, que foi originalmente auto-publicado no início de 2011. Ele foi nomeado um best-seller pelo New York Times e recebeu uma classificação média de 4,09. O livro foi revisto pelo Los Angeles Times, MTV e Publishers Weekly.
O Despertar do Príncipe foi publicado no segundo semestre de 2015. Recebeu uma classificação média de 3,88. Foi revisto pela Publishers Weekly. O Coração da Esfinge foi publicado em agosto de 2016. Haverá mais dois livros que serão lançados no ano de 2017 e 2018.
Foram publicados no Brasil pela Editora Arqueiro. (Fonte: Wikipedia)







Fabiane Ribeiro é de São Paulo, mas já viveu também nos estados do Paraná e de Minas Gerais. Formada em Medicina Veterinária, nunca exerceu a profissão, pois teve seu primeiro romance publicado quinze dias antes do baile de formatura da faculdade. Desde então, a escrita ditou um novo caminho para sua vida e para seus sonhos.
Publicou seu primeiro livro, “Jogando xadrez com os anjos”, com a Editora Universo dos Livros, no ano de 2012. Após o sucesso da obra (que chegou a ser exibida em grandes feiras literárias da Europa, como Londres e Frankfurt), se mudou para os Estados Unidos, onde agora reside e estuda Escrita Profissional e Criativa (não apenas focando nos próximos livros, mas também expandindo sua arte para a área de escrita de roteiros).
Em 2015, está lançando oficialmente, também pela Editora Universo dos Livros, as obras “Corações em Fase Terminal” e “A Menina Feita de Espinhos”. (Fonte: Fabianeribeiro)





Genevieve Valentine (nascida em 01 de julho de 1981) é um americana escritora  de ficção científica e fantasia. Seu primeiro romance, O circo Mecânico Tresaulti , ganhou o prêmio de Crawford  para um primeiro romance da fantasia, e nebulosa também recebeu indicação.

Genevieve Valentine está atualmente escrevendo The Persona Series para Saga Press (editada por Navah Wolfe), uma série de suspense/ficção científica que até agora inclui os livros Persona (2015) e Icon (2016).

De 2014 até 2015, Valentine criou uma nova série para DC Comics com Catwoman , trabalhando com os artistas Garry Brown e David Messina .  Depois, ela trabalhou no Batman e Robin Eternal como roteirista . (Fonte: Wikipedia)

Você pode conferir a resenha do Circo Mecânico Tresaulti Aqui.




GILLIAN FLYNN

Gillian Schieber Flynn (Kansas City (Missouri), 24 de fevereiro de 1971), é uma escritora americana e crítica televisiva na Entertainment Weekly. Ela publicou quatro livros: Objetos Cortantes , Lugares Escuros , Garota Exemplar e O Adulto. 
Flynn, também chamada de Corman, vive atualmente em Chicago com seu marido e seu único filho, mas cresceu no Kansas, Missouri. Ela é formada pela Universidade do Kansas. Ambos seus pais são professores.
Em 2014, entrou pela primeira vez na lista de escritores mais bem pagos do mundo pela revista Forbes. (Fonte: Wikipedia)





Escritora inglesa nascida em 1960, em Morley, uma cidade industrial no West Yorkshire, no norte de Inglaterra.
Aos 27 anos fez a sua primeira experiência na escrita, em parceria com o ex-colega de universidade Richard Curtis e com o escritor Simon Bell. O trio concebeu um livro cômico que satirizava uma obra sobre os antepassados da nobreza britânica e escolheu um extenso título: Who’s Had Who: In Association WithBerk’s Rogerage: An Historical Register Containing the Official Lay Lines of History From the Beginning ofTime to the Present Day. Mais tarde, em 1994. Richard Curtis escreveu o argumento do filme cômico Four Weddings and a Funeral (Quatro Casamentos e um Funeral) e inspirou-se em Helen Fielding para construir a personagem representada por Andie MacDowell.
Para não se expor, Helen Fielding propôs ao jornal escrever em nome de Bridget Jones, uma personagem feminina que ela tinha criado para uma série cômica de televisão. Esta colunista fictícia, com “trinta e poucos anos”, tornou-se um grande êxito, passando a fazer parte da cultura popular britânica e inclusive criando termos que passaram a ser utilizados por muita gente.
Helen Fielding aceitou trabalhar como colunista para poder financiar um livro que pretendia escrever sobre os problemas económicos das Caraíbas. No entanto, em 1996 mudou de ideias e escreveu, em quatro meses, um romance humorístico baseado nos artigos do Independent a que chamou Bridget Jones's Diary (O Diário de Bridget Jones). Com esta obra Fielding ganhou o prestigiado British Book Award. (Fonte: Infopédia)






Isabela Freitas, 25 anos, nascida e criada em Juiz de Fora, atualmente mora em São Paulo. Começou como blogueira, mas acabou por se tornar também uma escritora de sucesso. Com apenas dois livros lançados, já vendeu mais de 700.000 livros, e figura há dois anos as listas dos livros mais vendidos do país, sem sair uma semana sequer. Hoje, também grava vídeos para seu canal do Youtube que já soma 10 milhões de visualizações, e já teve importantes participações em programas da Rede Globo. Como no Fantástico, onde foi co-autora da série baseada no seu primeiro livro, “Não se apega, não”, e teve seu próprio quadro de conselhos dentro do programa.
Hoje em São Paulo, mora com o namorado, e veio em busca de novas oportunidades de trabalho. Sua intenção é continuar com o blog, os vídeos, livros, mas também poder expandir esse trabalho bem além. (Fonte: Isabelafreitas)






Joanne Rowling nasceu em 31 de julho de 1965 no Yate General Hospital, nos arredores de Bristol, e cresceu em Gloucestershire, Inglaterra, e em Chepstow, Gwent, no sudeste do País de Gales.
A jovem Jo cresceu rodeada de livros. "Eu vivia para livros", disse ela.
Jo queria ser escritora desde cedo. Ela escreveu seu primeiro livro aos seis anos de idade - uma história sobre um coelho, chamado 'Coelho'. Com apenas onze anos, ela escreveu seu primeiro romance - cerca de sete diamantes amaldiçoados e as pessoas que os possuíam.
Jo concebeu a idéia de Harry Potter em 1990 enquanto estava sentado em um trem atrasado de Manchester para Londres King's Cross. Nos próximos cinco anos, ela começou a mapear os sete livros da série. Ela escreveu principalmente em línguas longas e gradualmente acumulou uma massa de notas, muitas das quais foram rabiscadas em estranhos pedaços de papel.
Tendo completado o manuscrito completo, ela enviou os três primeiros capítulos a um número de agentes literários, um dos quais escreveu de volta pedindo para ver o resto. Ela diz que foi "a melhor carta que eu já tinha recebido em minha vida."
O livro foi publicado pela primeira vez por Bloomsbury Children's Books em junho de 1997, sob o nome de JK Rowling.
O "K" significa Kathleen, o nome de sua avó paterna. Ele foi adicionado a pedido de sua editora, que achava que um livro de uma escritora obviamente feminina poderia não atrair o público-alvo de meninos. (Fonte: jkrowling)

Você pode conferir a resenha sobre os ebooks do Pottermore Aqui.






R.J. Palacio atua no mercado editorial norte-americano há mais de duas décadas, atualmente com dupla função: designer gráfica durante o dia e escritora à noite. Ela mora em Nova York com o marido, os dois filhos e dois cachorros. Este é seu primeiro livro. Para difundir a mensagem de Extraordinário, a autora iniciou uma campanha antibullying no site www.choosekind.tumblr.com, da qual milhares de crianças já participaram. (Fonte: skoob)












Vinte e poucos anos, Psicóloga Clínica, apaixonada por Psicanálise, viciada em Livros e amante do Rock Britânico. Desde criança foi vidrada em faz de conta e inventava inúmeros personagens para conversar. Assistia a filmes sobre vampiros já aos seis anos, mesmo que tivesse que se esconder atrás do sofá. Na adolescência, dizia que iria ser uma Libélula. Hoje em dia se diz uma adulta confusa, que ainda adora vampiros, não ganhou asas de libélula, mas escreveu um livro sobre elas, transformando seus personagens inventados em pessoas reais, embora sejam feitas de tinta e papel.
Autora do livro "Uma Canção para a Libélula I e II", com projetos que não param de aparecer. O Lago Negro é seu terceiro livro e a continuação dele Submersão.
Juliana está escrevendo seu 5 livro no Watppad. Lacrymosa está sendo publicado no Watppad, leia aqui
Todos os seus livros podem ser adquiridos no site da Editora Arwen ou autografado direto com a autora. (Fonte: livrosdanane)






Se formou na Universidade Estadual de Fresno, na Califórnia, e mora com o marido e os quatro filhos. Além de escrever, Kasie se diverte praticando wakeboard, ouvindo rock alternativo, lendo até tarde e comendo muito chocolate amargo com menta. Também gosta de fingir que namora Hugh Jackman e Adam Levine - os dois ao mesmo tempo. (Fonte companhiadasletras)
Autora da duologia Encruzilhada publicada pela editora companhia das letras. Demais livros no link do skoob no nome da autora.












Kim Holden estreou na literatura em 2013, com o romance juvenil All of it, e conquistou milhares de fãs com Raio de Sol, publicado nos EUA em 2014 sob o título Bright Side. Casada e mãe de um garoto, mora em Denver, no Estado americano de Colorado, adora andar de bicicleta e é apaixonada por café gelado e música – seus livros têm influências de bandas como The Cure, Sunset Sons e Teenage Bottlerocket. A sequência de Raio de Sol, publicada em 2015 nos EUA sob o título Gus, também será editada pela Planeta no Brasil.

(Fonte: skoob)








Lionel Shriver (Gastonia, 18 de Maio de 1957) (cujo nome de nascimento é Margaret Ann Shriver) é uma jornalista e escritora bestseller americana, famosa por sua obra We Need to Talk About Kevin (Precisamos falar sobre Kevin). Nasceu em Gastonia, Carolina do Norte, EUA, no seio de uma família extremamente religiosa, sendo o seu pai pastor presbiteriano. Mudou o seu nome quando tinha 15 anos (de Margaret Ann para Lionel) porque gostava da forma como soava. Frequentou a Universidade de Columbia. Já viveu em Nairobi, Bangcoc e Belfast. Neste momento, divide o seu tempo entre Londres e Nova Iorque.
Colabora com diversos jornais, entre outros, The Wall Street Journal, The Philadelphia Inquirer e The Economist.
(Fonte: Wikipedia)





Natural de Oregon, nos EUA, Lisa Gardner começou pelo romance editando sob o pseudônimo de Alicia Scott. Em finais dos anos 90 decidiu mudar de gênero e ao romantismo dos primeiros livros passou a aliar o suspense. Pesquisa alguns dos mais arrepiantes casos de psicopatas, inventa um enredo de pistas, aplica à escrita o rigor das pesquisas do FBI. «Minha até à Morte» - o seu primeiro grande sucesso – atinge os 6 milhões de exemplares vendidos em todo o mundo, tornando-a uma das mais aclamadas escritoras norte-americanas. Em Portugal foram editados, pelo Círculo de Leitores, alguns dos seus melhores títulos: «A Filha Secreta», «O Assassino das Sombras», «A Vingança de Olhos Negros», «O Clube das Sobreviventes», «A Hora da Morte».
Lisa Gardner se define como uma pesquisadora compulsiva (o que garante a credibilidade e a seriedade de seu trabalho), e sempre teve interesse pelo procedimento policial e forense. Com mais de 22 milhões de livros vendidos (é a autora de thrillers #1 do The New York Times), suas obras já foram publicadas em 30 países e é a vencedora de prêmios importantes como o Daphne du Maurier Award, nos Est
ados Unidos, e o Grand Prix des Lactrices, na França. Vive com sua família na Nova Inglaterra. (Fonte skoob)




MARCELLA ROSSETTI

Marcella Rossetti nasceu em 1981, em Santos, litoral do estado de São Paulo, onde passou grande parte de sua adolescência fugindo da praia e indo jogar RPG com seus amigos.
Hoje, quando não está escrevendo a continuação de sua saga, ela pode ser encontrada alimentando seu vício por séries de TV ou na sala de aula, lecionando História para seus amados alunos.
(Fonte: aveceditora)
Você pode conferir a resenha do Filhos da Lua Aqui










Marie Lu nasceu em 1984 em Wuxi, China , e depois mudou-se para Pequim . Em 1989, ela e sua família se mudaram para os Estados Unidos na Geórgia quando ela tinha cinco anos de idade, durante o Protesto Praça Tiananmen .  Ela cursou a Universidade do Sul da Califórnia.
Antes de escrever seu primeiro livro, Lu trabalhou como designer de arte para a indústria de videogames
Ela é mais conhecida pela série Legend , romances definidos em um futuro distópico e militarizado. Os romances formam a base de um filme a ser produzido pela CBS Films e dirigido por Jonathan Levine .
(Fonte: Wikipedia)




MARIA V SNYDER


Maria V. Snyder tem escrito ficção e não-ficção desde 1995. Ela também publicou Numerosos artigos freelance em revistas regionais e em jornais locais. 
Ensina aulas de como escrever ficção na faculdade local o que lhe dá a oportunidade agradável para incentivar  Escritores novatos e para continuar a melhorar a sua arte. Nascida e criada em Filadélfia, Pensilvânia, Maria frequentou 12 anos de escola católica Antes de ir para Penn State University para estudar Meteorologia. Ganhar um Bacharelado de Ciências Em Meteorologia, Maria descobriu, para seu desgosto, que a previsão do tempo Não era uma de suas habilidades. Ela encontrou emprego no campo ambiental como uma Cientista, e foi durante esses anos que ela começou a escrever.
(Fonte: skoob)





MARIE RUTKOSKI

Marie Rutkoski é autor do best-seller do New York Times de vários romances para crianças e jovens adultos. Ela cresceu em Bolingbrook, Illinois como a mais velha de quatro crianças e decidiu cedo que ela era Alguém que amava Livros.
Depois de frequentar a Universidade de Iowa e morar em Moscou e Praga, estudou Shakespeare na Universidade de Harvard, onde aprimorou sua habilidade em se referir a si mesma na terceira pessoa.
Marie é agora professora de literatura inglesa no Brooklyn College, onde ensina drama renascentista, literatura infantil e literatura de ficção. Nova York é sua casa, e ela acha que deve haver aves de rapina vivendo em Washington Square Park; Ela pode ver as grandes asas girando da janela onde ela se senta e escreve.(Fonte:marierutkoski
Autora da trilogia The Winner's. Você pode conferir a resenha do primeiro livro Aqui)




MARION ZIMMER

Marion Zimmer Bradley nasceu em Albany, capital do estado de Nova Iorque, em junho de 1930, no auge da Grande Depressão. Sua família era muito pobre e seus pais não tinham condições de oferecer-lhe uma educação esmerada. Logo, teve de começar a trabalhar muito cedo, chegando a ser garçonete e faxineira. Ao completar dezesseis anos, ganhou de sua mãe uma máquina de escrever, com a qual começou a escrever histórias. No início, para sobreviver, sujeitou-se a produzir uma série de romances sensacionalistas.
Com a permanência de seu romance As Brumas de Avalon durante três meses na lista dos best-sellers do New York Times, a autora tornou-se uma escritora de prestígio e uma das mais lidas no mundo inteiro. Prosseguiu na mesma senda com Presságio de Fogo (1987) — Incêndio de Tróia, no Brasil — onde reescreve a Guerra de Tróia sob uma perspectiva feminista. Em A Casa da Floresta (1983), Zimmer Bradley regressou ao universo mítico da Bretanha druídica, desta vez, em confronto com o Império Romano. Em 1985, lançou um novo livro, destinado ao público infantil, chamado A Filha da Noite, baseado na ópera A Flauta Mágica, de Mozart. Muitos, no entanto, consideraram o livro uma obra adulta, e possivelmente imprópria para crianças.
Além destas obras, suas histórias de ficção científica do ciclo Darkover (um planeta onde os seres humanos, ao contacto com os alienígenas, adquirem poderes extrapsíquicos) continuam a ter numerosos admiradores. (Fonte: Wikipedia)

Você pode conferir a resenha das Brumas de Avalon Aqui.



MARTHA BATALHA

Martha Batalha nasceu em Recife, Pernambuco, mas cresceu no Rio de Janeiro. Foi repórter por muitos anos e criou a editora Desiderata, hoje parte do grupo Ediouro. Mudou-se para Nova York em 2008, onde trabalhou no mercado editorial. “A Vida Invisível de Euirídice Gusmão” é seu primeiro livro. Foi vendido para vários países e será adaptado para o cinema. Martha está escrevendo seu segundo romance, uma saga familiar que se passa em Ipanema. Ela vive em Santa Mônica, na Califórnia, com seu marido e dois filhos.(Fonte: marthabatalha)











Mary é formada em Arte pela Long Beach State University. Trabalhou um tempo como artista, até a maternidade.
Mais tarde foi para San Diego State University onde recebeu a sua credencial de ensino. Ensinou em muitas séries, mas foram os seus alunos da Segunda Série que a empurraram de volta para a escrita, durante a Oficina de Escrita. (Fonte: Skoob)
O romance de Mary E. Pearson evoca culturas do nosso mundo e as transpõe para a história de forma magnífica. Através de uma escrita apaixonante e uma convincente narrativa, o primeiro volume das Crônicas de Amor e Ódio é capaz de mudar a nossa concepção entre o bem e o mal e nos fazer repensar todos os estereótipos aos quais estamos condicionados. É um livro sobre a importância da autodescoberta, do amor, e como ele pode nos enganar. Às vezes, nossas mais belas lembranças são histórias distorcidas pelo tempo.(Fonte: darksidebooks)





Mary Kubica é formada em Artes, História e Literatura Americana pela Miami University, de Oxford, Ohio. Enveredou-se pelo mundo da escrita em 2014, quando lançou Garota Perfeita – um livro que rapidamente tornou-se um dos suspenses psicológicos mais vendidos dos Estados Unidos, juntamente com ''Garota exemplar'' e ''A garota do trem''. Mary também é autora do livro ''The pretty baby'', outro sucesso do mercado editorial americano. (Fonte:Amazon)











Mindy McGinnis é bibliotecária e vive em Ohio, Estados Unidos. Formada com grandes honras pela Universidade de Otterbein, tem especialização em literatura inglesa e religião. Mindy visitou manicômios antigos para criar a impressionante ambientação de Uma loucura discreta. Também são de sua autoria os elogiados Not a drop to drink e In a handful of dust.
(Fonte: Skoob)









Rainbow foi colunista e copywriter no jornal Omaha World-Herald entre 1995 e 2012. Depois de sair do Omaha World-Herald, Rainbow começou a trabalhar para uma agência publicitária.
A autora começou a escrever aquele que se tornaria o seu primeiro romance a ser publicado, Attachments, nos seus tempos livres. Rainbow teve um filho nesta altura e fez uma pausa na escrita do manuscrito durante dois anos. O romance, publicado em 2011. A revista Kirkus Reviews considerou-o um dos melhores primeiros romances daquele ano.
Em 2013, foram publicados dois livros de Rainbow: Fangirl e Eleanor & Park.
Ambos os romances foram escolhidos pelo The New York Times como sendo dois das melhores ficções para jovens adultos do ano. Eleanor & Park foi ainda considerado um dos 10 melhores livros do ano pela Amazon e o melhor livros para jovens adultos do ano pelos utilizadores do site Goodreads (Fangirl ficou em segundo lugar). O estúdio DreamWorks e a presidente da Sidney Kimmel Entertainment, Carla Hacken, estão a trabalhar numa adaptação ao cinema de Eleanor & Park e Rainbow será responsável pelo roteiro. (Fonte: Wikipedia)





Renee Cavaleiro é uma roteirista britânica e diretora, que estreou com sucesso no mercado britânico com um thriller psicológico, Difamação (Disclaimer, 2015), publicado em catalão e castelhano e já traduzido em 25 idiomas.
Ele trabalhou para a BBC como diretora de documentários culturais. Ela também escreveu roteiros e televisão para o Channel Four, BBC e Capitais Films.
Ela vive em Londres com o marido e dois filhos.
(Fonte: compartelibros)









TESS GERRITSEN

Tess Gerritsen (12 de Junho de 1953) é uma escritora sino-americana e ex-médica. O seu primeiro nome é Terry, usando Tess, como escritora.
De ascendência chinesa, Tess Gerritsen cresceu nos Estados Unidos e formou-se em medicina na Universidade da Califórnia. Após o nascimento dos filhos, começou a escrever ficção, e em 1987 publicou o seu primeiro romance. Em 1996 publicou o seu primeiro thriller médico, Harvest, a que se seguiu este O Cirurgião e O Aprendiz, entre outros, protagonizados pela detective Jane Rizzoli. Com o sucesso alcançado, a autora desistiu da carreira em medicina e dedicou-se à escrita a tempo inteiro.
A sua obra está traduzida em mais de 30 línguas e já vendeu mais de 20 milhões de exemplares em todo o mundo.
A série de televisão Rizzoli & Isles é baseada nos seus romances. (Fonte: Wikipedia)




VICTORIA SCHWAB

Produto de uma mãe britânica, um pai Beverly Hills, e uma educação do sul.

Amante de contos de fadas, e folclore, e livros que me fazem pensar se o mundo é realmente como parece. Ama escrever sobre portas, e lugares entre, e as rachaduras onde a realidade desliza em algo mais escuro, estranho e invariavelmente mais interessante.

Na faculdade, trabalhava em uma livraria, onde nunca fazia qualquer dinheiro, porque gastava cada cheque alimentando seu hábito de comprar livros. 
(Fonte: veschwab)








Estas são algumas das autoras que compõem a nossa estante. Eai sociedade qual autora favorita de vocês?

Beijinhos
Share on Google Plus

0 comentários:

Olá, compulsivo (a)!!!

Sinta-se à vontade e diga-nos o que achou deste post!