Clique em "Participar deste site" e fique por dentro de tudo o que rola no blog Sociedade dos Leitores Compulsivos!

Resenha: Deixe a Neve Cair

Por: Isabel Primo


Título: Deixe a Neve Cair

Gênero: Romance
ISBN: 9788579801754
Autor: John Green, Maurren Johnson e Lauren Myracle.
Ano de lançamento: 2013
Editora: Rocco

Sinopse: 
Na noite de natal, uma inesperada tempestade de neve transforma uma pequena cidade num inusitado refúgio romântico, do tipo que se vê apenas em filmes. Bem, mais ou menos. Porque ficar presa à noite dentro de um trem retido pela nevasca no meio do nada, apostar corrida com os amigos no frio congelante até a lanchonete mais próxima ou lidar sozinha com a tristeza da perda do namorado ideal não seriam momentos considerados românticos para quem espera encontrar o verdadeiro amor. Mas os autores bestsellers John Green, Maureen Johnson e Lauren Myracle revelam a surpreendente magia do Natal nestes três hilários e encantadores contos de amor, interligados, com direto a romances, aventuras e beijos de tirar o fôlego.

Deixa a neve cair é um livro dividido em três contos, e todos se passam na véspera de Natal, durante a maior nevasca dos últimos 50 anos. 

O primeiro conto é O Expresso Jubileu, escrito pela escritora Maureen Johnson.  A narradora da historia é Jubileu, que é uma menina muito curiosa, um pouco atrapalhada e um tanto esperta. Jule (como ela goste de ser chamada, pois tem vergonha do próprio nome) mora na Virgínia e tem os pais mais obcecados pelas peças da Cidade do Papai Noel Flobie. Jule pretendia passar o natal com o namorado, mas ocorreu um imprevisto com os pais e ela acaba pegando um tem para Florida onde os avós moram. Ocorre que o trem fica preso  em uma pequena cidade, e cansada das catorze líderes de torcidas, ela busca refugio numa Waffle House, onde conhece Stuart um rapaz que a mostra  que talvez o namorado dela, Noah (atleta, inteligente e popular) não era o cara certo afinal.

O segundo conto é O Milagre da Torcida do Natal, escrito por John Green. Tobir encontra-se em casa com seus melhores amigos JP e Duke assistindo uma maratona de filmes do James Bond, quando recebe um telefonema que da início a uma verdadeira corrida até a Waffle House (exatamente a mesma Waffles House que serviu de refúgio para Jubileu) por conta das catorzes lideres de torcidas. Claro que a Duke não se anima nada com essa historia, mas é facilmente convencida por conta das batatas fritas (batatas fritas convence qualquer um).  No caminho ate a Waffles é que se passa a maior parte da história quando ocorrem alguns incidentes... cômicos.

O terceiro conto é O Santo Padroeiro dos Porcos (sim porcos, você vai entender quando conhecer Gabriel), escrito pela autora Lauren Myracle. Narrado por Addie, que vive o drama de ter terminado o namoro na véspera do aniversário de um ano, que por acaso também é véspera do natal. Depois que sua amiga Dorrie alerta que ela pode esta sendo um tanto egoísta em vários momentos da sua vida e a acusa de ser dramática, Addie resolve provar que não é verdade fazendo um favor para sua outra amiga Tegan.

A leitura é muito leve e por isso o livro pode ser facilmente terminado em um dia. As histórias se entrelaçam de forma interessante quando todos os personagens principais vão de alguma forma se encontrar.  Deixo aqui uma frase da minha personagem preferida dessa historia Jubileu.

“O que é loucura para um, pode ser sanidade para o outro, imagino.” Página 79.

Share on Google Plus

0 comentários:

Olá, compulsivo (a)!!!

Sinta-se à vontade e diga-nos o que achou deste post!